Aprendizagens na Rede… Hoje!

A AFIRSE Portugal e o Instituto de Educação promovem mais um ciclo da iniciativa “Conversas à Quinta” que terá lugar nas últimas quintas-feiras dos meses de março, abril e maio de 2017. Orientadas por um investigador e seus convidados, essas conversas decorrem à volta de temáticas atuais relevantes para a análise da realidade educativa nacional suportadas pela investigação. ENTRADA LIVRE!!

   30 de março | 18:00H | Instituto de Educação | Anfiteatro II

_______________ _______________
Joana Viana, Investigadora do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, convida Paulo Dias, Reitor da Universidade Aberta e João Correia de Freitas, Professor da Universidade Nova de Lisboa a conversar sobre As Aprendizagens na Rede como Oportunidade de Transformação da Escola.

APRENDIZAGENS NA REDE COMO OPORTUNIDADE DE TRANSFORMAÇÃO DA ESCOLA
 Continuar a ler "Aprendizagens na Rede… Hoje!"

Um colóquio muito participado


Mais de 300 professores assistiram ao primeiro dia do Colóquio sobre As Aprendizagens das Crianças e Jovens no Século XXI, que decorreu este sábado em Viseu. Oportunidade para relembrar amigos e colegas naquela que foi também foi a minha cidade. E ter o prazer de rever o Sérgio e a Mafalda, licenciados em Ciências da Educação, meus ex-alunos e organizadores do evento. Obrigado pelo convite!

Em abril, em Lisboa

Curricular guidelines for designing, planning and producing MOOC
Fernando Albuquerque Costa
Institute of Education of the University of Lisbon

Abstract: Since its appearance around ten years ago, Massive Open Online Courses (MOOC) are generating a considerable interest from universities and other higher education institutions all over the world. Therefore, a deep reflection on the process of design and production of a MOOC became fundamental, both from an efficient pedagogical point of view of the contents, and from cost-effective production techniques. In this context, we began to work on guidelines based on a recollection of good practices for designing, planning and producing MOOC that could integrate Portuguese higher education curricula in Science, Technology, Engineering, Mathematics (STEM) area. In this talk we will be focused on the design of the pedagogical structure, e.g. presenting the systematization of the guiding principles for making efficient well designed courses for this kind of online learning.

14th International Conference on Teaching, Education and Learning (ICTEL), 23-24 May 2017, Lisbon

Qualitativa na U Aveiro

Mais um sessão de trabalho de análise de dados qualitativos com estudantes de doutoramento, desta feita na Universidade de Aveiro, oriundos de Portugal, Brasil e Moçambique.

Concentração

O trabalho de análise de dados qualitativos é sobretudo um trabalho intelectual, muito exigente, em que uma forte concentração é crucial. Adorei o profissionalismo das estudantes de doutoramento da U Minho com quem trabalhei esta tarde.

19º SIIE – Chamada de trabalhos

O 19º Simpósio Internacional de Computadores na Educação (SIIE) e o 8º Encontro do CIED/III Encontro Internacional do CIED serão realizados, num encontro conjunto, em Lisboa (Escola Superior de Educação de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa), de 9 a 11 de Novembro de 2017.

O Simpósio Internacional de Informática Educativa (SIIE) é um fórum internacional de apresentação, discussão e reflexão em torno da investigação, desenvolvimento e práticas no domínio das Tecnologias da Informação e da Comunicação em Educação.

As suas várias edições têm decorrido alternadamente entre Espanha e Portugal e têm proporcionado um espaço de encontro e debate entre investigadores, representantes institucionais e educadores, afirmando-se como um evento de referência, especialmente no contexto Ibero-americano.

Na sequência das anteriores Reuniões do CIED, a o 8º Encontro do CIED/III Encontro Internacional do CIED tem como objetivo criar um espaço de reflexão e debate sobre o papel das TIC na educação formal, não formal e informal.

Convida-se à submissão de artigos no âmbito das TIC na educação

Estaremos lá!

Assegurando uma plenária, transversal, sobre tecnologias de informação e comunicação:

O Currículo e o potencial pedagógico das Tecnologias Digitais

Nunca como hoje foi tão pertinente colocar no centro da discussão a relação entre Currículo e Tecnologias. Questionar o que significa essa relação para a comunidade educativa em geral e, em particular, para os professores e educadores, que têm a responsabilidade de decidir o que em cada momento é feito em contexto de aula, é o que no âmbito desta sessão se propõe para reflexão. Se, do ponto de vista curricular, não mais faz sentido a adoção de modelos de organização e de construção do currículo centrados nos conteúdos e na sua transmissão pelo professor, pelo manual escolar ou mesmo por recursos tecnologicamente mais evoluídos, o desafio será precisamente o de conseguir tirar partido do potencial das novas tecnologias para criar oportunidades de aprendizagem mais sugestivas, desafiadoras e consonantes com paradigmas humanistas, em que se privilegia a ação de cada um, a interação com os outros, a criação colaborativa, mas também o acesso direto às fontes, a materiais autênticos, a especialistas, enfim, ao conhecimento na sua forma mais genuína.