networking

Kickoff meeting para criação de rede latinoamericana de universidades com o objetivo de estudar o que os jovens fazem com tecnologias digitais, em particular na Internet.

LIDIA em Inglês

Com o apoio da EPALE e ANQEP (coordenador nacional) acaba de ser publicada a tradução do Livro de Atividades para Inclusão Digital de Adultos para a língua inglesa, permitindo assim alargar a sua divulgação a uma escala mais alargada.

Para a paginação desta nova edição, contámos também com fundos nacionais da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, IP, através da Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação do Instituto de Educação, Universidade de Lisboa – UID/CED/04107/2016.

Por cortesia da empresa SensesLab, foi possível utilizar o design da versão original, criação de João Casaca.

Para a paginação desta nova edição, contámos também com fundos nacionais da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, IP, através da Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Educação e Formação do Instituto de Educação, Universidade de Lisboa – UID/CED/04107/2016.

Por cortesia da empresa SensesLab, foi possível utilizar o design da versão original, criação de João Casaca.

Trabalhar a literacia digital com adultos

A Revista Aprender ao Longo da Vida, uma publicação da Associação O Direito de Aprender, acaba de publicar e disponibilizar online o seu último número (nº 15), dedicado à Literacia Digital. Num dossier temático sobre Literacia Digital, o Projeto LIDIA esteve no centro do debate sobre o que é trabalhar a literacia digital com adultos. Para além do coordenador do Projeto, participaram ainda Hélder Touças, do Programa para a Inclusão e Literacia Digital da Câmara Municipal de Lisboa, e Márcia Vigário, técnica da Associação Filantrópica da Torreira – ASFITA, ambos intervenientes ativos no processo de desenvolvimento das atividades que constam do Livro produzido no seio do Projeto LIDIA.