Arquivo da categoria: Projectos

Workshop LIDIA na APCEP

EDUCAÇÃO PERMANENTE EM TEMPO DE MUDANÇA: SABER PARA TRANSFORMAR. ENCONTRO NACIONAL DA APCEP – ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA PARA A CULTURA E EDUCAÇÃO PERMANENTE.

No âmbito deste encontro, a equipa do projeto LIDIA terá oportunidade de realizar um Workshop que terá lugar no dia 30, entre as 14h30 e as 16h30, sobre Literacia e Cidadania Digital de Adultos.

Resumo:

Numa sociedade fortemente tecnológica, ganha hoje particular acuidade a questão da integração digital da população adulta, daqueles que há muito saíram da escola e, principalmente, dos que nunca por lá passaram. Alguns dados disponíveis parecem mostrar, aliás, que estamos perante uma situação a merecer especial atenção, nomeadamente no caso dos adultos que, por não terem acesso ou não saberem usar a Internet, se encontram afastados do exercício pleno da cidadania num Portugal livre e democrático.

É nesta linha que este workshop deve ser entendido, procurando dar a conhecer e partilhar o conjunto de recursos que uma equipa do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa recentemente teve oportunidade de desenvolver no âmbito do Projeto LIDIA – Literacia Digital de Adultos (lidia.ie.ulisboa.pt), um projeto financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (Rede TIC e Sociedade). Para a construção desses materiais e partindo do princípio que o domínio de competências digitais pode contribuir para diminuir o fosso digital daqueles grupos, a linha de orientação seguida foi a de pensar que isso trará vantagens relacionadas com uma vida independente e saudável, podendo levar à participação dos adultos em outras atividades de aprendizagem e outros empregos, mas sobretudo incrementando a sua autonomia e sua auto-estima e, desse modo, melhorando a sua qualidade de vida.

Para além de uma breve apresentação e reflexão sobre a problemática da inclusão digital de adultos no nosso país, é feito o convite aos participantes para exploração guiada dos materiais produzidos e, com base no modelo utilizado, iniciarem o processo de criação de novas atividades de inclusão digital adequadas às necessidades dos adultos com quem trabalham.

Duração prevista: 2 horas (14:30-16:30H)
Equipa dinamizadora: Joana Viana, Carolina Pereira, Catarina Gonçalves e Elisabete Cruz, Fernando Albuquerque Costa – Instituto de Educação, Universidade de Lisboa.
Equipamento: Não sendo condição, será útil que os participantes possam ter consigo os seus dispositivos móveis (smartphones, tablets, portáteis).

RED no futuro?

educereA Heliana irá estar presente no XII Congresso Nacional de Educação, no Paraná, Brasil, com uma comunicação que decorreu do pós-doutoramento que fez connosco, com o título “RECURSOS EDUCATIVOS DIGITAIS NO FUTURO: PERSPECTIVAS DE PROFESSORES, EDUCADORES E ESPECIALISTAS”.  O trabalho foi aceite como Comunicação pela Comissão Científica para apresentação e publicação nos anais do XII EDUCERE, III SIRSSE, V SIPD – Cátedra UNESCO e IX ENAEH, com a temática “2. Comunicação e Tecnologia” , que será realizado de 26 a 29 de outubro de 2015, na Pontifícia Universidade Católica do Paraná/PUCPR – Campus Curitiba – Brasil

1º Encontro Rede TIC e Sociedade

Vídeo de apresentação do projeto TACCLE2, um dos projetos a que foi atribuído o Prémio Inclusão e Literacia Digital 2014 da FCT – Rede TIC e Sociedade.

Dele viria a resultar um projeto novo, desta feita alargando a elaboração de atividades com tecnologias para todos os que de alguma maneira trabalham ou estão ligados a adultos – Projeto LITERACIA DIGITAL DE ADULTOS (LIDIA), cujos resultados, provisórios, irão ser apresentados, no próximo dia 23 de setembro no 1º Encontro da Rede TIC e Sociedade.

Prémio Inclusão e Literacia Digital 2014: Apresentação de Resultados Intercalares dos Projetos Altamente Meritórios com Replicação ou Expansão
Centro de Congressos de Lisboa, 23 de Setembro, 16H30m

O 1º Encontro da Rede TIC e Sociedade realizar-se-á durante o “eShow Portugal”, evento de dois dias, 22 e 23 de setembro, no âmbito da “Portugal Internet Week’15”, no Centro de Congressos de Lisboa (antiga FIL). Aí será dada a conhecer também a Estratégia Nacional para a Inclusão e Literacia Digitais (ENILD).

Guiões MOOC

GUIÕES PARA DESENHO DE CURSOS MOOC

Fernando Albuquerque Costa (Instituto de Educação, ULisboa)
Ana Moura Santos (Instituto Superior Técnico, ULisboa)
Alexandre Guedes da Silva (FCHS, Universidade Lusíada de Lisboa)
Joana Viana (Instituto de Educação, ULisboa)

Resumo: Desde o seu aparecimento, há cerca de uma dezena de anos, os Massive Open Online Course (MOOC) têm vindo a gerar um interesse considerável no ensino superior a nível mundial, tornando-se fundamental refletir, tanto do ponto de vista pedagógico, como do ponto de vista tecnológico e mesmo dos conteúdos abordados, sobre os procedimentos envolvidos na sua conceção e desenvolvimento. É nesse âmbito que se apresenta o presente trabalho, parte integrante de um projeto de levantamento de boas práticas e de linhas de ação para o desenho, planeamento e produção de MOOC no contexto do ensino superior em Portugal na área de Science, Technology, Engineering, Mathematics (STEM). O principal objetivo é sistematizar princípios orientadores do desenho e da produção de MOOC, com base na reflexão e no trabalho prático que tivemos oportunidade de fazer visando a criação de modelos de guiões para este tipo de cursos, incluindo a elaboração de orientações para a produção de cada uma das suas partes constituintes.

Palavras-chave: elearning; MOOC; conteúdos educativos digitais; desenho e produção de MOOC.

 

O caminho faz-se devagar…

O caminho faz-se devagar…
(em breve, numa revista perto de si!)

Tratando-se de um convite do Eng. Etelberto Costa, sem dúvida um dos especialistas em e-Learning mais entusiastas no nosso país, não poderia deixar de responder com o meu testemunho sobre o caminho percorrido desde que, em finais dos anos 90, mergulhámos neste mundo novo que representam as tecnologias ao serviço de fins educativos.

Dada a limitação do espaço, ficar-me-ei por relembrar alguns dos momentos mais marcantes do ponto de vista pessoal.

São eles: a escrita de um artigo já diretamente relacionado com o tema do e-learning (1999); a integração da equipa que lançou a Academia Global, um grande projeto pioneiro em Portugal, mas que viria algum tempo mais tarde a ser vítima da chamada “bolha tecnológica” (2000) ; a realização de um curso de especialização nos EUA sobre Skills for eTrainers dirigido pelo maior guru a nível mundial nessa época – Elliot Masie (2000); a visita ao MASIE Center Learning Lab, um edifício construído de raiz para se dedicar integralmente à investigação sobre e-Learning (2000); a criação de uma unidade curricular dedicada ao estudo de Estratégias de Formação Síncrona no curso de mestrado presencial recém criado na Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação – Mestrado em Tecnologias em Educação (2004); a criação e orientação de vários Cursos de Verão na Universidade de Lisboa sobre a temática do e-Learning destinado a profissionais de diferentes áreas (2004-2005); a coordenação do Ensino a Distância para a Itinerância, um projeto do Ministério da Educação para filhos de trabalhadores itinerantes poderem fazer a escolaridade do 5º ao 12º anos em Portugal (2010-2013); a escrita de um capítulo de livro, desta feita apresentando e refletindo sobre a experiência enquanto e-Professor de uma unidade curricular totalmente a distância no mestrado de TIC e Educação do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa (2012).

Apenas alguns flashes de uma já longa caminhada, mas em que permanece a sensação de estar tudo por fazer…

escola digital ainda

COSTA, Fernando; CRUZ, Elisabete; VIANA, Joana; BRITO, Rita & RODRIGUEZ, Carla (2015). Conceções e Expectativas de Professores eEducadores de Infância a Propósito do Conceito de Escola Digital. In M.J.Gomes, A. Osório & J. Valente (Eds.), Actas da IX Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação, Challenges 2015. Meio Século de TIC na Educação. Braga: Centro de Competência da Universidade do Minho. 1211-1225.

challenges

TACCLEvfinal

COSTA, Fernando;  CRUZ, Elisabete & RODRIGUEZ, Carla (2015). TACCLE2 – Propostas de Atividades Didáticas Com Tecnologias Digitais. In M.J.Gomes, A. Osório & J. Valente (Eds.), Actas da IX Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação, Challenges 2015. Meio Século de TIC na Educação. Braga: Centro de Competência da Universidade do Minho. 1062-1067.

TACCLE 2 PREMIADO!

O Projeto TACCCLE2 acaba de ser premiado em Portugal pela Rede TIC e Sociedade. Graças ao excelente trabalho realizado por toda a equipa internacional do projeto que, como não poderia deixar de ser, está de parabéns!

O prémio, no valor de 50.000€, irá permitir estender o trabalho por mais uma ano, desta feita produzindo atividades visando a inclusão digital de adultos.

Mais informação aqui: http://www.ticsociedade.pt/premiovencedores

TACCLE2, projeto

Aprender e Ensinar Com Tecnologias
A propósito de um Encontro de Professores e de Educadores
Auditório da Biblioteca Municipal, Rio Maior, 11 de outubro de 2014

A tarefa de levar os professores a utilizarem o potencial das tecnologias digitais com os seus alunos é, tal como todas as outras em Educação, uma tarefa sempre inacabada e a cada vez renovada. Por mais trabalho que seja feito, e muito trabalho já foi desenvolvido nesta área no nosso país, parece que estamos continuamente a dar os primeiros passos. Ou porque há novos professores interessados em fazer as suas primeiras experiências, ou porque todos os dias surgem novas ferramentas ou novas propostas sobre o que com elas pode ser feito na escola.

No fundo, é também o que se passa com os materiais desenvolvidos no seio do projeto TACCLE2, e com o encontro de professores e educadores previsto para o próximo dia 11 de outubro em Rio Maior. Um encontro cujo objetivo imediato é divulgar, junto da comunidade escolar, os 5 livros de atividades com tecnologias produzidos no âmbito do projeto TACCLE2, mas que constitui sobretudo uma oportunidade para estimular professores e educadores a fazerem o caminho que esses recursos poderão despoletar.

Livros que testemunham o que outros colegas por essa europa já fazem com os seus alunos com tecnologias digitais, mas que esperamos que funcionem principalmente como incentivo à exploração e à experimentação das diferentes atividades sugeridas, por cada um dos professores e educadores que participarão no encontro.

Atividades que têm como denominador comum colocarem as tecnologias nas mãos dos alunos, dando-lhes outro fôlego para aprender. Aprender coisas novas, aprender de outra maneira. Com a segurança e competência que só as aprendizagens adquiridas na escola costumam proporcionar, mas permitindo também outras aventuras na aventura de aprender. Com mais autonomia e, sobretudo, com maior envolvimento e participação de cada um.

Para concluir, e para além do convite que aqui lhe deixamos para participar no referido encontro, gostaria de sublinhar a importância da parceria que, para esta iniciativa, foi possível estabelecer entre as várias entidades que participam na sua organização, o Agrupamento de Escolas Fernando Casimiro Pereira da Silva, de Rio Maior, o CFAE Lezíria Oeste, o ccTIC da Escola Superior de Educação, o Instituto Politécnico de Santarém e o Instituto de Educação da Universidade de Lisboa.

Informação detalhada sobre o encontro em http://cctic.ese.ipsantarem.pt/taccle/

Fernando Albuquerque Costa
Universidade de Lisboa

 

Disseminação nas Artes

Um workshop para professores oriundos de toda a Europa, em que as atividades com tecnologias para a área das artes desenvolvidas no âmbito do projeto TACCLE2 tentarão superar mais uma prova. A ver o que dizem os professores de artes, potenciais interessados nas propostas sugeridas no livro.

IMG_1865.PNGLá estaremos, disseminando o livro das artes que a equipa portuguesa coordenou!

Antes de férias!

Atividades Com Tecnologias para a área das Humanidades
Já está disponível a versão em Português! O livro sairá da gráfica em setembro, mas pode desde já consultar as atividades propostas e, assim, preparar o novo ano escolar envolvendo os alunos Com tecnologias!

Humanidades

Todos os livros produzidos no âmbito do Projeto TACCLE2 são recursos abertos licenciados sob uma Licença Creative Commons e Sharealike, para uso não-comercial. Portanto, é possível copiar, adaptar, traduzir e redistribuir os livros ou qualquer parte deles (e realmente esperamos que o faça!). Basta referir a autoria.

Partilhe!